A Mulher que Escreveu a Bíblia

A Mulher que Escreveu a Bíblia, de Moacyr Scliar, foi lançado em 1999, e reeditado pela Planeta DeAgostini em 2003 (216 páginas).

É um livro muito agradável de ser lido. Por conta de uma terapia de regressão a vidas passadas, uma mulher escreve o que teria acontecido com uma das esposas de Salomão.

Feiíssima de rosto, mas uma das raras mulheres alfabetizadas da época, o rei a tira do harém, para que ela passe a dar tom de redação aos escritos que alguns “sábios” há anos faziam, sobre a história do povo judeu. Salomão tinha como intenção deixar uma herança que durasse mais do que o grande templo.

A visão feminina que a autora confere aos textos bíblicos é sempre descontraída e, não poucas vezes, cheia de erotismo. Adão e Eva no paraíso vivem uma grande orgia. Dúvidas sobre como Caim procriou. A emoção feminina da história de Naomi e Ruth, tão diferente das histórias masculinas de sogro e genro. Lògicamente sua redação provoca escândalo entre os “sábios”.

O final do livro é inesperado, e muito coerente com toda a trama.

Leitura fácil, rápida e até mesmo útil, por mostrar que tudo tem outro lado para ser apreciado – até mesmo a bíblia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s