Condessa de Barral, a paixão do imperador

Com certo atraso, retirei da estante um livro que me aguardava a leitura: Condessa de Barral, a paixão do imperador, de Mary del Priore (editora Objetiva, 2008).

Um pouco romanceado, o livro da historiadora narra muito bem a história da preceptora das princesas Isabel e Leopoldina, que teve um caso amoroso com D. Pedro II, e influenciou de várias formas as relações no Brasil monárquico, como lutar pelo fim da escravidão. A importância das viagens de Barral pela Europa, desde a infância até a morte.

A vida de Barral é tão intensa e bem retratada, que o livro bem que poderia servir roteiro para um bom filme histórico. Fica a sugestão – só espero que não seja Carla Camurati, com seu deboche destrutivo, que pretenda levar a sério a empreitada.

3 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s